RN TEM FERIADÃO VIOLENTO E REGISTRA 27 MORTES EM TRÊS DIAS

28 de Março de 2016 | 09:00hs

O feriadão de páscoa foi violento no Rio Grande do Norte. De acordo com os números da Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análises Criminais (Coine), 27 homicídios foram registrados em todo o estado de sexta-feira (25) a domingo (27).

Dos 27 casos, 11 foram registrados em Natal: 5 na zona Oeste, 3 na zona Sul, 2 na zona Leste e 1 na zona Norte.

Região metropolitana e interior

Ceara-mirim (3)

Macaíba (3)

São Gonçalo (2)

Parnamirim (1)

Mossoró (1)

Alexandria (1)

Caicó (1)

Governador Dix-Sept Rosado (1)

Ielmo marinho (1)

Nova cruz (1)

São Miguel (1)

Mais violento

Segundo o coordenador da Coine, Ivênio Hermes, das 27 pessoas assassinadas, 24 foram homens e três mulheres. Os dados revelam um aumento no índice de homicídios. “Ainda não fizemos o comparativo com o mesmo período do ano passado, mas com certeza teve aumento. Esse feriadão foi muito violento”, disse.

Com informações do Portal NoAr

Publicidade

Comentários

Sem comentários. Seja o primeiro.

RN TEM FERIADÃO VIOLENTO E REGISTRA 27 MORTES EM TRÊS DIAS

28 de Março de 2016 | 09:00hs
Imagem [0]

O feriadão de páscoa foi violento no Rio Grande do Norte. De acordo com os números da Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análises Criminais (Coine), 27 homicídios foram registrados em todo o estado de sexta-feira (25) a domingo (27).

Dos 27 casos, 11 foram registrados em Natal: 5 na zona Oeste, 3 na zona Sul, 2 na zona Leste e 1 na zona Norte.

Região metropolitana e interior

Ceara-mirim (3)

Macaíba (3)

São Gonçalo (2)

Parnamirim (1)

Mossoró (1)

Alexandria (1)

Caicó (1)

Governador Dix-Sept Rosado (1)

Ielmo marinho (1)

Nova cruz (1)

São Miguel (1)

Mais violento

Segundo o coordenador da Coine, Ivênio Hermes, das 27 pessoas assassinadas, 24 foram homens e três mulheres. Os dados revelam um aumento no índice de homicídios. “Ainda não fizemos o comparativo com o mesmo período do ano passado, mas com certeza teve aumento. Esse feriadão foi muito violento”, disse.

Com informações do Portal NoAr

Comentários


Sem comentários. Seja o primeiro.

Sou jornalista há 28 anos, advogado e professor de História. Não sei se sou competente, mas sei que sou responsável com minhas tarefas.

netoqueiroz@uol.com.br