DEPUTADOS GOVERNISTAS NA ASSEMBLÉIA ESTÃO SE CANSANDO DE SERVIR AO GOVERNO SEM SER SERVIDO

07 de Junho de 2019 | 12:14hs

Existe hoje na Assembleia Legislativa do RN uma espécie de descontentamento às escuras em relação a governadora Fátima Bezerra.

A informação que tenho é que a maioria dos deputados que se enquadram no perfil “históricos governistas” não estão nada satisfeitos com a governadora.

Quem ainda segura a onda é o presidente da Assembleia, deputado Ezequiel Ferreira, que tem dialogado com os revoltosos e pedido paciência.

A turma dos inconformados reclama que este ano, algumas vezes, foi chamada para aprovar questões estratégicas para o governo, mas em troca só tapinha nas costas.

Acostumados a serem tratados como mais regalias, os deputados “governistas” queixam-se que o governo e suas secretarias estão abertos apenas para os “seus”, olhando retorcido para os aliados externos.

A retaliação está cozinhando em panela fervente e em breve pode ser servida à mesa. Fátima poderá ter dificuldades nos dias vindouros.

Comentários

Sem comentários. Seja o primeiro.

DEPUTADOS GOVERNISTAS NA ASSEMBLÉIA ESTÃO SE CANSANDO DE SERVIR AO GOVERNO SEM SER SERVIDO

07 de Junho de 2019 | 12:14hs
Imagem [0]

Existe hoje na Assembleia Legislativa do RN uma espécie de descontentamento às escuras em relação a governadora Fátima Bezerra.

A informação que tenho é que a maioria dos deputados que se enquadram no perfil “históricos governistas” não estão nada satisfeitos com a governadora.

Quem ainda segura a onda é o presidente da Assembleia, deputado Ezequiel Ferreira, que tem dialogado com os revoltosos e pedido paciência.

A turma dos inconformados reclama que este ano, algumas vezes, foi chamada para aprovar questões estratégicas para o governo, mas em troca só tapinha nas costas.

Acostumados a serem tratados como mais regalias, os deputados “governistas” queixam-se que o governo e suas secretarias estão abertos apenas para os “seus”, olhando retorcido para os aliados externos.

A retaliação está cozinhando em panela fervente e em breve pode ser servida à mesa. Fátima poderá ter dificuldades nos dias vindouros.

Comentários


Sem comentários. Seja o primeiro.

Sou jornalista há 28 anos, advogado e professor de História. Não sei se sou competente, mas sei que sou responsável com minhas tarefas.

netoqueiroz@uol.com.br