CAPITÃO STYVENSON MUDOU DE PARTIDO. ALGUÉM SABIA DISSO?

31 de Janeiro de 2019 | 09:14hs

O Capitão Styvenson toma posse amanhã como novo senador do RN. O mais votado.

O jornalista Bruno Barreto divulgou ontem à noite que o Capitão já não está mais filiado ao partido Rede e que estuda uma nova filiação.

Volto aqui a bater na tecla da transparência.

Styvenson que se apresenta como político diferente, comete um erro ao não ter divulgado nada sobre sua mudança de partido. É informação de interesse público sim.

Aliás, Styvenson tem pouco se preocupado em dar publicidade aos seus atos.

O novo senador não participa das reuniões da bancada, não tem preocupação em apresentar nos canais de comunicação de massa o planejamento para seu mandato, na visita a governadora preferiu ir sozinho do que acompanhar a bancada federal que foi junta, e agora não se preocupou em informar a população sua mudança de partido.

Infelizmente, com essas atitudes se fortalece a impressão narrada a boca pequena que Capitão Styvenson tem dificuldades em lidar com o coletivo.

Comentários

Sem comentários. Seja o primeiro.

CAPITÃO STYVENSON MUDOU DE PARTIDO. ALGUÉM SABIA DISSO?

31 de Janeiro de 2019 | 09:14hs
Imagem [0]

O Capitão Styvenson toma posse amanhã como novo senador do RN. O mais votado.

O jornalista Bruno Barreto divulgou ontem à noite que o Capitão já não está mais filiado ao partido Rede e que estuda uma nova filiação.

Volto aqui a bater na tecla da transparência.

Styvenson que se apresenta como político diferente, comete um erro ao não ter divulgado nada sobre sua mudança de partido. É informação de interesse público sim.

Aliás, Styvenson tem pouco se preocupado em dar publicidade aos seus atos.

O novo senador não participa das reuniões da bancada, não tem preocupação em apresentar nos canais de comunicação de massa o planejamento para seu mandato, na visita a governadora preferiu ir sozinho do que acompanhar a bancada federal que foi junta, e agora não se preocupou em informar a população sua mudança de partido.

Infelizmente, com essas atitudes se fortalece a impressão narrada a boca pequena que Capitão Styvenson tem dificuldades em lidar com o coletivo.

Comentários


Sem comentários. Seja o primeiro.

Sou jornalista há 28 anos, advogado e professor de História. Não sei se sou competente, mas sei que sou responsável com minhas tarefas.

netoqueiroz@uol.com.br